Calca Legging Montaria Preta

Vai de Calça Montaria!

Esses são os tempos da liberdade, seja de manifestação, de expressão, de “invenção de moda” e tantas outras liberdades. Falando em liberdades de expressão e de moda, eis aí uma junção que temos visto bastante, não é? Uma mesma pessoa mas com peças de looks originalmente diferentes – e que juntos ficaram bem à beça! (nossa, que expressão mais antiga) Antes víamos aquelas saias longas e amplas apenas com blusinhas mais justas – hoje já é comum vermos essa saia acompanhada de blusões amplos, às vezes até de ombro caído. E como fica bonito!

Outra junção interessante foi a mistura da calça legging montaria com roupas tipo city, como camisetas, blusões e até vestidos curtos por cima. Quem imaginaria, não é? Existem várias modelagens diferentes, cada uma pra uma personalidade – ou um look – específico.  Algumas permitem um visual mais despojado, outras já têm uma carinha mais formal. Vamos dar uma espiada nas opções?

O detalhe diz tudo

A calça legging montaria é interessante porque ela tem um estilo em si mesma, a começar pela própria confecção. Mesmo a peça mais simples tem recortes que, de longe, fazem as pessoas notarem que aquela não é uma calça qualquer. Dificilmente a costura vai ser somente ao longo da lateral da perna: o mais provável é que você só encontre peças com múltiplas peças costuradas umas às outras, formando aquele visual elegante e até sedutor. Ela chama muito a atenção para as pernas e dão a elas um foco todo especial.

Também sua cintura é diferenciada. Normalmente seu cós é mais alto, pouco acima do umbigo, modelagem que alonga e afina a silhueta de qualquer mulher (e o bom é que ajuda até a esconder umas gordurinhas localizadas também). Até existem modelagens de cintura mais baixa, mas a “oficial” da calça montaria é mesmo a alta. E vamos combinar, é elegantérrima!

Calca Legging Montaria Preta

Além do recorte diferente, a calça montaria se diferencia também pela presença de peças como zíperes e botões – na maioria das vezes laterais. Eles podem ser funcionais ou não, ou seja, podem ter a função de abrir e fechar a peça para facilitar que ela seja vestida (afinal, calça montaria é mais apertadinha) ou então podem ter função meramente decorativa. De um jeito ou de outro, são detalhes que chamam a atenção e prezam sempre pelo bom gosto – eles nunca são exagerados, par anão roubarem a elegância da peça.

Como se já não bastassem tantos diferenciais, tem mais um que é a cara da calça montaria: o tecido. Muitas delas trazem, em ao menos um dos recortes, um tecido semelhante ao couro, às vezes ao látex. Esse tipo de detalhe dá um ar extremamente sofisticado à peça, dando muita personalidade ao look final. E como as calças com messe tipo de detalhe já carregam em si muita informação, convém pegar mais leve no restante do look, como preferir uma blusa com menos detalhes e também economizar um pouco nos acessórios. Nos pés? Ouse e use uma bota de cano alto, que pode ser preta ou marrom (dependendo do look total). Fica um espetáculo!