Mulher acima dos 40 anos

Exames que beneficiam a mulher a partir dos 40 anos

Após completar quatro décadas de vida, mulheres devem adotar alguns exames extras na rotina do check up anual

A chegada dos 40 anos marca um processo de mudanças no corpo de todos. Tanto homens quanto mulheres se tornam mais propensos a desenvolver certos tipos de doenças, muito devido ao fato que as estruturas do nosso organismo também envelhecem.

É por esse motivo que ao atingir essa idade todos os pacientes devem incorporar novos exames anuais à sua rotina. No caso das mulheres, há exames específicos que precisam ser realizados para que possam checar se está tudo em dia com a saúde.

Porém, você sabe dizer quais são esses exames? Listamos aqui cinco dos exames de rotina mais importantes que devem ser realizados ao menos uma vez por ano se você atingiu ou está próxima de atingir essa idade.

É importante lembrar ainda que, em uma consulta ao médico, pode ser que ele sugira outros exames além desses. Cada caso deve ser avaliado individualmente, mas nem por isso você deve se descuidar deixando de lado a obtenção de diagnósticos importantes.

  1. Exames de sangue

Vamos começar pelos mais básicos. Os exames de sangue são indispensáveis tanto para os homens quanto para as mulheres não apenas quando atingem os 40 anos, mas ao longo de toda a vida. Muitas vezes, é somente por meio deles que o médico consegue diagnosticar problemas de saúde que não estão aparentes.

No caso específico das mulheres, a lista de pedidos de exame de sangue do seu médico deve contemplar itens como hemograma, colesterol, triglicérides, glicemia, TSH, ferritina, concentração de cálcio e vitamina D. 

A lista de exames de sangue possíveis é bastante extensa e, de acordo com as características do seu corpo e o seu estilo de vida, o médico pode solicitar exames adicionais. Na maioria dos casos, é recomendável repetir esses exames ao menos uma vez por ano.

  1. Exames de densitometria óssea

A chegada do climatério provoca nas mulheres mudanças na densidade da estrutura óssea. Isso acontece porque conforme envelhecemos se torna mais difícil para o corpo humano reter o cálcio. A consequência mais comum disso é a osteoporose, doença que afeta predominantemente as mulheres.

Para prevenir problemas como esse ou diagnosticá-los a tempo, antes que se tornem mais graves, o exame de densitometria óssea é o mais indicado. Por meio dele é possível identificar se há algum tipo de comprometimento nas estruturas ósseas. Se necessário, o médico pode indicar alguma suplementação alimentar ou medicamentosa.

  1. Ultrassonografia de tireoide e abdômen

Você sabia que as mulheres estão mais propensas a desenvolverem doenças intestinais ou relacionadas a tireoide? E mais, os riscos de que isso aconteça aumentam a partir dos 40 anos, motivo mais do que suficiente para que você inclua esses exames também no seu checkup de rotina.

A ultrassonografia da tireoide e do abdômen são exames relativamente simples, indolores, e rápidos de serem realizados. Eles permitem ao médico descobrir se há algum tipo de lesão nessas regiões. Se houver, exames mais aprofundados podem ser necessários – quanto mais cedo o diagnóstico for obtido, melhores são os prognósticos de tratamento. 

  1. Exames pélvicos e transvaginais

Para que seja possível diagnosticar problemas relacionados aos órgãos pélvicos, como a bexiga, o útero e os ovários, exames específicos para essa região podem ser recomendados pelo médico. Após os 40 anos, mulheres que utilizam DIU podem ver o contraceptivo se deslocar.

Além disso, o câncer de ovário e de útero também está entre as doenças cuja maior taxa de desenvolvimento se inicia nas proximidades dessa idade. A principal vantagem desses exames é que eles são simples e de diagnóstico rápido. Só haverá necessidade de exames mais aprofundados caso algum tipo de alteração seja detectada.

  1. Mamografia

Entre todos os exames indicados para as mulheres após os 40 anos, a mamografia é sem sombra de dúvidas o mais importante. A partir dessa idade, o exame deve estar presente no checkup de rotina todos os anos, mas os “quarenta” são um momento que requer muita atenção.

Essa é a faixa etária na qual há maior incidência de câncer de mama. O autoexame é um indicativo quando há nódulos palpáveis, mas a mamografia pode auxiliar a detectar possíveis alterações antes mesmo que elas sejam perceptíveis no toque.

Este é mais um dos muitos exames contemplados pela telerradiologia. Além de ser um teste seguro, os resultados podem ficar prontos em até 24 horas. Isso facilita a vida da paciente, que pode agendar seu retorno ao médico o mais rápido possível.

Exames de rotina são coisa séria: não deixe para depois

Todos nós deveríamos ir ao médico pelo menos uma vez por ano para a realização dos exames de rotina. Muitas vezes, a rotina atribulada faz com que deixemos a nossa saúde em segundo plano, mas a verdade é que esses exames deveriam ser prioridade absoluta na sua vida.

Falando especificamente das mulheres, a cada ano que passa a importância dos exames aumenta. Mesmo as pessoas que envelhecem com saúde podem estar sujeitas a algum tipo de alteração clínica e, quanto antes o diagnóstico for realizado, maiores são as chances de que o tratamento, se necessário, seja mais bem-sucedido.

Portanto, se você está em vias de completar 40 anos ou já atingiu essa data, não adie mais a visita ao médico. Vá, solicite o seu checkup anual e realize todos os exames de rotina que forem necessários. A sua saúde com certeza agradece.